Câmara de Santo Tirso substitui todas as luminárias por tecnlologia LED

Por Tiago / Terça-feira, 09 de Maio de 2017 / Publicado na categoria Curiosidades, Notícias

Ilumina o led 1 980 2500

A Câmara Municipal de Santo Tirso vai substituir todas as luminárias convencionais do concelho por tecnologia LED. A medida coloca Santo Tirso na linha da frente dos municípios portugueses em matéria de preocupação com a eficiência energética e prevê a substituição de 14 mil luminárias.

Santo Tirso dá mais um passo em frente no que toca à adoção de medidas amigas do ambiente. O programa de substituição das luminárias convencionais por tecnologia LED abrange 14 mil estruturas, o que aponta para uma redução da fatura energética municipal com a iluminação pública e ainda para a redução dos efeitos de estufa provocados pela emissão de dióxido de carbono.

“Em 2016, fizemos um esforço em adotar medidas amigas do ambiente e no sentido de baixar a fatura energética municipal. Para isso, substituímos 2400 luminárias com lâmpadas convencionais por tecnologia LED, o que implicou uma poupança de cerca de 190 mil euros/ano”, recordou o presidente da Câmara de Santo Tirso, Joaquim Couto.

Um ano depois, segundo o autarca, está aberto o concurso para alargar esta medida, e substituir as restantes luminárias convencionais [14 mil], “estabelecendo uma parceria tecnológica sem qualquer investimento municipal”.

Uma das mais-valias desta parceria prende-se com o facto de o investimento a fazer na substituição das luminárias convencionais ser integralmente suportado pelo vencedor do concurso, no âmbito do contrato, que pode ter a duração máxima de 12 anos, ao longo dos quais a empresa recuperará o investimento inicial por via da redução, estimada em mais de 60 por cento, dos consumos energéticos.

“Trata-se de um investimento inteligente, rentável e sustentável para o Município de Santo Tirso, porque, para além de contribuir para a redução da “pegada de carbono”, aumenta a segurança de pessoas e bens. Para além disso, melhora a qualidade da iluminação pública, diminui a fatura energética municipal”, conclui Joaquim Couto.

A abertura do concurso foi aprovada por unanimidade na reunião do executivo camarário de Santo Tirso, na passada quinta-feira

Partilhe
TOP