Catalunha declara Independência

Por Rita Almeida / Sexta-feira, 27 de Outubro de 2017 / Publicado na categoria Internacional, Notícias

Os deputados independentistas da Catalunha aprovaram hoje uma resolução conjunta das forças políticas Junts pel Sí (JxSí) e CUP tendo em vista a declaração de independência da região face a Madrid. A votação decorreu sem a presença de boa parte dos deputados catalães.

A proposta de resolução das formações pró-independência passou com 70 votos a favor, dez votos contra e dois em branco. Ou seja, votaram 82 dos 135 deputados que formam o Parlament.
Estiveram ausentes durante a votação secreta três grupos da oposição ao Governo regional de Carles Puigdemont: Ciutadans, PSC e o PP catalão.

Concluído o processo – antecedido da leitura da declaração de independência assinada no passado dia 10 de outubro pelos deputados do JxSí e da CUP -, ouviu-se o hino da Catalunha, Els Segadors, entre as paredes do Parlamento.
Está assim dado o passo decisivo para o início do processo constituinte de uma república catalã, independente do poder central de Madrid. No momento em que o Parlament se pronunciava, em Madrid o Senado preparava-se para votar a aplicação do artigo 155 da Constituição à Catalunha. Um pedido de Mariano Rajoy entretanto aprovado por esmagadora maioria.

Da capital espanhola saiu rapidamente a notícia da realização de um Conselho de Ministros extraordinário, a partir das 19h00, para responder ao gesto dos deputados da Catalunha.
O presidente do Governo central recorreu, por sua vez, ao Twitter para pedir “tranquilidade a todos os espanhóis”.
“O Estado de Direito restaurará a legalidade na Catalunha”, escreveu Mariano Rajoy.

A destituição de Puigdemont e dos demais membros do Governo catalão deverá ser uma das primeiras medidas a adotar na reunião extraordinária do Executivo de Rajoy.

A imprensa espanhola avançou que o Tribunal Constitucional tratará, a breve trecho, de considerar “sem efeito” a declaração de independência que acaba de receber a chancela do Parlamento catalão.

Partilhe
TOP