G15 voltam a reunir

Por Rita Almeida / Quinta-feira, 30 de Novembro de 2017 / Publicado na categoria Desporto, Notícias

O G15, movimento de clubes da I Liga que não inclui FC Porto, Sporting e Benfica, apresentou oito propostas para a evolução do futebol português, na reunião que decorreu em Vila do Conde.

Após a reunião inicial a 21 de novembro, no Porto, para troca e discussão de ideias, o encontro de ontem elencou oito pontos que serão apresentados à direção da Liga de Clubes. Ao organismo, o G15 irá ainda propor a realização de uma Assembleia Geral de carater extraordinário até ao fim do ano civil.

Do vídeo-árbitro às alterações das regras dos sorteios, pagamentos de taxas televisivas e regimes de empréstimos de jogadores constam na lista, a saber:

– Reestruturação do modelo de governação da Liga

– Novo regime de cedências temporárias de jogadores entre clubes da Primeira Liga

– Alteração ao critério de pagamento da taxa de transmissão televisiva, com isenção dos clubes da Segunda Liga

– Alteração às regras do sorteio condicionado do calendário de jogos

– Uniformização do número de câmaras de tv para efeitos de VAR

– Criação de um fundo de solidariedade para os clubes que descem à Segunda Liga

– Proposta de revisão de quadro de infrações a Dirigentes e Agentes Desportivos, tendo os clubes reunidos acordado um pacto de não-agressão entre si e convidando os restantes clubes a adotar a mesma conduta

– Elaboração de recomendação à FPF e Liga a propósito do VAR e sua operacionalização.

Além das propostas, os clubes presentes concordam em aproximar o diálogo aos clubes da II Liga, para perceber as necessidades e preocupações dos emblemas do segundo escalão.

Tal como no encontro inicial, não estiveram presentes quatro dos 15 clubes: Moreirense, V. Guimarães, Portimonense e V. Setúbal.

Partilhe
TOP