Terra a rodar cada vez mais devagar

Por Rita Almeida / Terça-feira, 12 de Junho de 2018 / Publicado na categoria Curiosidades, Notícias

O planeta Terra está a rodar cada vez mais devagar e os dias podem ficar com mais horas.

Isto trata-se de uma travagem difícil de ver a olho nu, mas de acordo com um novo estudo realizado pelos investigadores Stephen R. Meyers e Alberto Malinverno da Universidade de Wisconsin, em Madison, Estados Unidos, o planeta Terra está a rodar cada vez mais devagar.

Uma rotação de 360 graus exatos sobre o eixo terrestre dura 24 horas. Mas os investigadores da Universidade de Wisconsin teorizam que há 1,4 mil milhões de anos, os dias duravam, apenas, 18 horas.

De acordo com a teoria matematicamente sustentada, a Terra antiga tinha os dias muito mais curtos, realizando uma rotação a cada 18 horas e os dias que experimentamos atualmente são cortesia da lua.

Por consequência, a Lua está a afastar-se da Terra, a uma média de quatro centímetros por ano.

“À medida que a Lua se afasta, a Terra é como uma patinadora giratória que desacelera ao esticar os braços”, explica o professor Stephen Meyers, da UW-M. Mas esta é apenas uma parte da relação um tanto intrigante entre a Terra e a Lua.
Atualmente a distância média entre os centros da Terra e da Lua é de 385.000,6 km, mas está a afastar-se da terra cerca de quatro centimetros por ano.
Este afastamento é o resultado de uma dinâmica celestial, de efeito atração-repulsão gravitacional, que todos os corpos exercem sobre os outros no universo, e a Lua e a Terra não são exceção.
Atualmente a distância média entre os centros da Terra e da lua é de 385.000,6 km. A distância real varia ao longo da órbita da Lua, de 356.500 km no perigeu a 406.700 km no apogeu, resultando um intervalo diferencial de 50.200 km.
Partilhe
TOP