Nova Linha Rosa retira 9000 carros da Baixa do Porto

Por Tiago / Domingo, 07 de Outubro de 2018 / Publicado na categoria Nacional, Notícias

No primeiro ano de operação, 2022, a ligação do metro entre S. Bento e a Casa da Música conquistará quase 13 mil utilizadores ao transporte individual. Empresa prevê avançar com as obras de construção da linha do Porto e da extensão a Vila d’Este, em Gaia, no segundo semestre do próximo ano.

A futura Linha Rosa, que levará o metro de S. Bento até à Boavista, vai tirar mais de nove mil carros por dia do centro do Porto no primeiro ano de operação em 2022. A análise custo-benefício calcula que mais de metade dos clientes da nova ligação (Linha G), que servirá o Hospital de Santo António, a Galiza e o polo universitário do Campo Alegre, sejam antigos condutores.

O automóvel é o meio de transporte mais usado nas deslocações diárias na Área Metropolitana do Porto, superando largamente o transporte público. E, neste ano, tem-se assistido a um agravamento do congestionamento do trânsito nos acessos e nas principais artérias da Invicta. Ainda assim, o metro do Porto continua a bater recordes de procura, tendo superado os 60,5 milhões de validações em 2017. Ora, a Linha Rosa trará mais 7,9 milhões de passageiros por ano em 2022, estimando-se que, no ano cruzeiro (o quinto ano de operação), as validações anuais ultrapassem os 9,4 milhões.

Partilhe
TOP